Surf Online

Fanning vence em Bells e divide a liderança do ranking com Filipe Toledo

Mick Fanning - Foto: @WSL

O australiano Mick Fanning venceu o brasileiro Adriano de Souza na grande final do Rip Curl Pro Bells Beach, realizada agora há pouco na mítica onda de Bells Beach, Austrália.

Mineiro e Fanning fizeram uma grande campanha em Bells, ambos estavam bem sintonizados  com as difíceis condições do mar e realmente mereceram as duas vagas na grande final. A bateria foi super disputada e o confronto terminou empatado, com a vitória do australiano no desempate. O resultado para muitos foi polêmico, principalmente quando Adriano de Souza precisava de 7.78 para virar o resultado, fez 6 manobras em uma onda e ganhou 7.77 uma nota que talvez convenientemente dava o empatemas que não dava a virada da bateria para o brasileiro.  Polêmicas a parte, Fanning venceu a competição, conquistou o tetra-campeonato em Bells (empatado com Slater) e agora está empatado com Filipe Toledo na liderança do ranking mundial.

Veja abaixo tudo o que rolou nesse último dia do Rip Curl Pro Bells Beach.

 

QUARTAS

Adriano de Souza e Gabriel Medina fizeram a primeira bateria das quartas. Adriano chegou as quartas surfando muito bem e destruindo seus adversários. Medina chegou lá muito mais por sorte do que por ter surfado bem. A retrospectiva também estava a favor de Adriano, além de já ter vencido esse evento em 2013, Mineiro tinha cinco vitórias em cinco confrontos contra Medina.  Histórico não ganha bateria, mas conhecimento do pico sim, e isso fez toda a diferença para o Adriano de Souza que venceu o confronto por 11.60 a 8.33. Pena que essa bateria aconteceu com ondas bem ruins.

Depois da bateria dos brasileiros começaram a aparecer algumas boas ondas e Josh Kerr eliminou Owen Wright por 13.00 a 7.93. Mick Fanning e Jordy Smith fizeram a primeira grande apresentação do dia. Fanning foi genial em sua bateria e somou 9.43 e 8.33. Jordy também surfou muito bem e somou 8.33 e 7.27.

Na última bateria das quartas o líder do ranking Filipe Toledo enfrentou o norte-americano Nat Young.  Nat Young começou a bateria com uma nota 6.43 e Filipe Toledo começou um uma onda mais fraca, um 4.83. O norte-americano marcou seu um 8.60 e abriu uma boa vantagem, mas Filipeinho marcou um 8.33 e ficou precisando de 6.71 para virar o resultado. E infelizmente essa onda não veio. Filipe Toledo se despediu do evento com a 5ª colocação, o que, apesar de tudo, é um ótimo resultado para o brasileiro.

 

SEMI

SEMI 1 – Adriano de Souza (BRA) x Josh Kerr (AUS) – Adriano de Souza foi cirúrgico na sua bateria. Começou surfando bem e marcou um 7.17 em sua primeira onda e marcou 7.67 na ultima. Josh Kerr marcou 5.17 em sua primeira onda e ficou a bateria toda esperando por uma segunda onda, que só veio nos instantes finais do confronto e lhe rendeu somente 4.70. Mineiro se classificou para a sua segunda final em Bells.

 

SEMI 2 – Mick Fanning (AUS) x Nat Young (USA) – Mick Fanning mostrou o melhor surf desse evento.  Além da velocidade, do repertorio e da precisão de suas manobras Fanning surfou mais bonito que todo mundo. Nessa bateria ele começou o confronto com uma nota 8.70. Nat Young começou a bateria com notas baixas, mas na segunda metade da bateria marcou uma nota 8.00. Ele teria voltado para a disputa se o Fanning não tivesse feito uma onda excelente logo em seguida e marcado 8.00, deixando o americano precisando de 8.70. Fannning mais uma vez na final em Bells.

FINAL

Adriano de Souza (BRA) x Mick Fanning (AUS) – Tanto o Mineiro quanto o Fanning mereceram essa vaga na grande final do Rip Curl Pro Bells Beach. Ambos os surfistas mostraram um nível de excelência em seus confrontos e aniquilaram seus adversários  (E ambos começaram o evento perdendo no Round 1).  Mineiro começou melhor na bateria, marcou 6.33 na primeira e 7.50 na sua segunda onda. Fanning surfou uma excelente onda e marcou 8.17. Mineiro veio na de tras e marcou 7.47. Fanning ficou precisando de 5.66 e marcou 7.10. Faltando 7 minutos o mineiro precisava de 7.78 para virar o resultado. Nos últimos 5 minutos da bateria Mineiro tinha a prioridade, pegou uma boa onda, surfou bem, mas os juízes deram exatamente um decimo a menos que ele precisava para vencer. Muita gente na internet questionou, afinal Mineiro teve que fazer seis manobras desde o outside para ganhar 7.77 enquanto Fanning com duas manobras no inside ganhou 7.17. Polêmicas a parte Mick Fanning venceu, é tetra campeão em Bells e empatou com Filipe Toledo na liderança do ranking.

 

 

RANKING MUNDIAL ATUALIZADO

O brasileiro Filipe Toledo continua na liderança do ranking mundial, agora empatado com o australiano Mick Fanning. Adriano de Souza está na segunda colocação, apenas 700 pontos atrás dos líderes. Miguel Pupo está na 8ª colocação, Gabriel Medina na 9ª e Jadson André e Italo Ferreira estão empatados na 17ª colocação. Você pode ver o ranking mundial atualizado aqui: http://www.worldsurfleague.com/athletes/tour/mct

ranking

Deixe seu comentario

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>